A Linx, especialista em tecnologia para o varejo, acaba de divulgar o valor médio gasto pelo brasileiro no varejo físico durante a Black Friday deste ano. Segundo a empresa, o consumidor desembolsou R$ 279,27 na data promocional – considerando estabelecimentos de foodservice e Moda.

O número é 64% maior do que a cifra registrada em uma sexta-feira comum, quando o valor gira em torno de R$ 170. Entre 18 e 24 de novembro, estes segmentos somaram mais de R$ 1,52 bilhão em vendas e emitiram mais de 11 milhões de cupons fiscais.

Entre os estados analisados, Alagoas foi o que contabilizou o tíquete médio mais alto na Black Friday, com R$ 651,34. Já os roraimenses estão entre os consumidores que menos gastaram na última sexta-feira, com média de investimento de R$ 160,18 em Roraima.

Veja também: